De novo – OUTRO PEDIDO DE VISTA ADIA MAIS UMA VEZ JULGAMENTO DE VINÍCIUS E ABELARDO NO TRE

Vinícius e o pai, Camarinha, abusaram do poder econômico e do uso da mídia na campanha em que foram derrotados por Daniel, em 2016, conforme decisão do TRE (FOTO: Arquivo HoraH)

Marília – Outro pedido de vista adiou mais uma vez o julgamento dos Embargos de Declaração de Vinícius e o pai dele, Abelardo Camarinha, no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de SP. O resultado desse julgamento decide se os ex-prefeitos poderão disputar as eleições municipais de 2020 – hoje, pai e filho, que atualmente é deputado, estão inelegíveis.

O novo pedido de vista foi na 3ª feira (8), tal qual aconteceu na semana anterior. Não tem prazo para a matéria voltar à pauta, mas geralmente o procedimento leva em torno de uma semana. A última posição do TRE sobre pai, filho e outros condenados por abuso do poder econômico e uso indevido da mídia nas eleições de 2016, reformou decisão de 1ª instância do Fórum de Marília, que os havia absolvido, condenando-os à suspensão dos direitos políticos, dentre outras penalidades.

Todos foram denunciados pela coligação liderada pelo então candidato a prefeito Daniel Alonso, ainda em 2016. A decisão de 1ª instância demorou 2 anos para sair e o julgamento no TRE aconteceu em julho deste ano. Agora os condenados recorreram na expectativa de reverter a inelegibilidade – especialmente Abelardo tem declarado intenção de disputar a Prefeitura no ano que vem e, portanto, depende dessa decisão.

HORAH – Você sabe tudo